Análise Clínicas - Análise de Produtos - Prólab Biotecnologia

Notícias

23/07/2012 00:00:00

Pesquisa de Legionella sp em Ar Condicionado.

A Legionella está associada à contaminação das bandejas de ar condicionados, porém, já foram relatados casos de contaminação em fontes luminosas, piscinas terapêuticas, umidificadores e outros equipamentos de água, até mesmo com uso de água potável.Na europa e em outros países do mundo, há uma grande preocupação em relação à esat bactéria por causa da pneumonia de conseqüência grave e até mesmo fatal.

A doença dos legionários é um tipo de pneumonia que se manifesta, inicialmente, por febres altas, dores musculares, dores de cabeça, tosse seca e dificuldade respiratória.

À esta bactéria, também está associada uma doença chamada de “Febre de Pontiac”.

O período de incubação varia de 2 a 10 dias, porém não se sabe ainda, qual a quantidade de bactérias necessárias para uma possível infecção. Sabe-se que, de cada 100 pessoas expostas à legionella, uma ficará infectada.

A legionella pode sobreviver durante um ano em água potável isenta de cloro.

As infecções são causadas pela inalação de gotas de água contendo o bacilo. Podem aparecer epidemias ou casos esporádicos. As epidemias são devidas ao contato com a mesma fonte dos organismos que podem estar alojadas no ar condicionado e não ocorre a transmissão entre as pessoas.

 As providências para manter o ar interno saudável devem obedecer a uma rotina a ser implementada pela empresa por Laboratório especializado no assunto e apto a fazer cumprir as exigências da lei.  A pesquisa da Legionella na água da bandeja do ar condicionado e mais todas as exigências da RE 09 de  16 de Janeiro de 2003 junto com a limpeza dos dutos geram um ar interno mais saudável e longe dos riscos para a saúde humana.

Últimas Notícias